Madeixa
Mechas loiras

Mechas loiras: veja todos os cuidados e dicas antes de apostar na trend

O calor chegou, trazendo sol, piscina, mar e alegria. Os dias ensolarados – e iluminados – também trazem motivação para muitas mulheres mudarem o visual e apostarem em cabelos mais claros para combinar com o clima do verão.

Por isso, é muito comum que, durante essa época do ano, os salões fiquem lotados de clientes buscando técnicas que possam deixar os fios mais iluminados. Ombré hair, balayage, fallayage, bronde, luzes… O que não faltam são opções para o tão desejado moreno iluminado ou loiro.

Todos os anos, os profissionais buscam trazer novidades que permitam um visual natural e harmônico para seus clientes. Além disso, também se especializarem técnicas já conhecidas para garantir cabelos saudáveis e bonitos. E se tem uma coisa que nunca sai de moda e os profissionais sempre buscam saber mais, essas são as mechas loiras.

Entretanto, muitas pessoas ainda possuem dúvidas sobre como fazê-las, quais os cuidados necessários antes e depois da descoloração, se todos os tipos de cabelos podem receber esse tipo de química e se é realmente necessário contar com ajuda profissional. Para responder essas e outras dúvidas, separamos um texto especial para você. Confira!

Procure bons profissionais

Mechas loiras

A primeira coisa que você precisa saber, se realmente quer um bom resultado, é que a ajuda profissional é indispensável! Bons profissionais vão te orientar sobre os cuidados, se o seu cabelo está pronto para receber esse tipo de química, vão utilizar bons produtos e sempre respeitar a saúde dos seus fios.

Descolorir o cabelo em casa pode parecer fácil, mas, acredite, nem sempre o resultado é positivo. Muitas pessoas já tiveram problemas por tentar descolorir os fios sozinhas e o resultado acabou sendo desastroso. Na internet, podemos ver casos que vão desde ressecamentos sérios do cabelo até o temido corte químico – situação onde ocorre a desestruturação da fibra capilar e os fios ficam tão fragilizados que quebram e caem.



Lembre-se: bons profissionais estão sempre em busca de especialização e conhecimento. Eles sabem exatamente os cuidados necessários para cada tipo de cabelo, além de saberem o tipo de produto a ser usado e o tempo exato que ele deve permanecer nos fios.

Portanto, para evitar dores de cabeça, cortes e recuperações capilares desnecessárias, invista em um bom profissional que seja confiável.

Todos os cabelos podem fazer?

Mechas loiras

Essa é uma das principais dúvidas de quem quer conquistar as tão sonhadas mechas loiras. A verdade é que, em alguns casos, é necessário esperar a recuperação dos fios. O indicado é sempre executar a técnica em cabelos saudáveis, uma vez que produtos descolorantes são empregados no processo.

A descoloração age na estrutura do fio e é uma técnica que combina pó descolorante e água oxigenada. Enquanto a água oxigenada abre as cutículas do cabelo, o descolorante penetra no córtex, retirando a melanina presente no fio, clareando as madeixas.

Por conta disso, o processo não é indicado para quem está com os cabelos fragilizados. Quem fez escova progressiva, por exemplo, deve esperar, no mínimo, um mês para descolorir os fios. Isso porque existe a possibilidade do cabelo ficar ainda mais danificado e quebrar.

Além disso, o resultado pode não ficar como o esperado, uma vez que a química do alisamento cria uma espécie de “capa” nos fios, o que dificulta o clareamento. Então, se o seu cabelo está fragilizado, a recomendação é para que você espere até que ele esteja saudável novamente. Dessa forma, o resultado é mais positivo e as madeixas irão sofrer menos com a ação dos produtos.

Dourado, mel, platinado…

Mechas loiras

Outra decisão importante é a escolha da tonalidade. Existem diversas técnicas que podem trazer resultados completamente diferentes. Algumas delas conseguem um efeito mais natural – e, portanto, com tonalidades mais próximas à cor original dos fios -, já outras conseguem um efeito mais marcado.

Independente disso, você precisa se sentir confortável com a tonalidade escolhida, mesmo que ela não se encaixe nos padrões disseminados por aí. Entretanto, se você possui um cabelo muito escuro e deseja mechas platinadas, por exemplo, talvez seja melhor ir com calma e descolorir os fios pouco a pouco a cada mês. Isso porque a descoloração acaba retirando a umidade natural do fio e ressecando as madeixas.

Dessa forma, se você quiser um resultado mais radical, então é aconselhável que vá clareando os fios aos poucos. Assim, o cabelo continua saudável e sem riscos de quebra ou ressecamento extremo.

Cuidados pós-descoloração

Mechas loiras

 

Os cuidados para quem resolve fazer mechas deve ser redobrado, uma vez que todo o processo de descoloração acaba sendo agressivo aos fios. Portanto, para manter o aspecto saudável das madeixas, alguns cuidados são essenciais:

  • Invista em um condicionador ácido: Ele consegue neutralizar o pH alcalino das mechas descoloridas, que ficam alteradas pela água oxigenada e o pó descolorante. Com isso, as cutículas do cabelo permanecem fechadas, deixando os fios menos porosos e uma textura mais regular.
  • Muita hidratação: Como o processo de descoloração retira a umidade natural do fio, é importante realizar hidratações semanais para que os sais minerais, as vitaminas e a queratina sejam repostos. A queratina tem um papel importante nesse processo, pois auxilia as cutículas a serem seladas.
  • Use protetor solar para os fios: Eles ajudam a proteger os cabelos do desgaste e da mudança de coloração causada pela ação do sol.
  • Use shampoo matizador: O shampoo roxo ajuda a manter a cor bonita do loiro por mais tempo, não deixando que os fios fiquem amarelados e fazendo com que as idas ao salão sejam menores. A indicação dos profissionais é para que o produto seja usado a cada 15 dias.
  • Reconstrução e nutrição também são importantes: Elas também vão ajudar a prevenir o ressecamento, frizz e as pontas duplas. Portanto, investir em um bom cronograma capilar se torna essencial.

Deixe seu comentário!