Madeixa
Luzes na touca

Luzes na touca: veja como fazer e ter ótimos resultados

Vamos confessar que toda mulher já mudou ou pensou em mudar o cabelo. Seja com tingimento, progressiva ou até mesmo cortes diferentes, por exemplo. Um dos mais comuns são as luzes na touca, e que apesar disso não são muitas mulheres que sabem os cuidados necessários.

As luzes na touca são um estilo bastante específico de se colorir as madeixas. Quase todos os tipos de cabelo funcionam bem nesse método, que tem tudo para dar certo. O único problema mesmo é que você não consegue fazer as luzes invertidas muito bem. Até porque o método recomendado é outro e que garante resultados melhores.

Porém, para se iniciar o processo de coloração dos fios, começar com as luzes na touca é um bom começo. Até porque é um processo um pouco menos agressivo em certo sentido e oferece resultados bastante satisfatórios para as mulheres. Além disso, é um processo que demanda menos do couro cabeludo e não utiliza tanta química assim durante a realização.

Por isso, conheça agora um pouco mais sobre as luzes na touca e tire todas as suas dúvidas. Depois disso, se ficar convencida a mudar o cabelo através desse método, procure um profissional de qualidade e confiança.

Até porque mexer com as madeixas é algo que deve ser deito com delicadeza. Uma vez que mexe diretamente com a auto estima da maioria das mulheres segundo alguns estudos.

Luzes na touca: o que é? Quem pode fazer?

Bom, primeiro de tudo é ideal começar pelo começo, certo? Portanto, iniciar explicando exatamente o que são as luzes na touca é muito importante. Desse modo, fica mais fácil de você entender como funciona o método.

Provavelmente você já deve ter visto em algum salão de beleza, mas ainda não ligou a imagem ao processo. Sabe uma touca que alguns cabeleireiros puxam vários fios? Aquelas são as luzes na touca!

E, sim, parece um processo demorado, porque é. Na realidade, quase nenhum processo de tingimento é rápido. Para algumas cores como o vermelho escuro, então, precisa de mais tempo ainda. Ou então para o loiro platinado, porque tem que matizar bastante.

De qualquer modo, as luzes na touca são algo muito simples, depende apenas da paciência do profissional. Além de percepção de simetria, afinal, as mexas devem ser idênticas. Ele não pode puxar, por exemplo, mais fios de um furo da touca que de outro, porque pode oferecer um resultado bastante negativo.

Ademais, a maior parte das mulheres pode fazer todo esse processo, porque apesar de químico, não é tão invasivo ou prejudicial. Até porque não utiliza formol em sua realização, pelo menos não mais atualmente, o que preserva a saúde capilar.

É preciso apenas se certificar de que os seus fios estão saudáveis para que eles consigam lidar com todo o processo. Se não, um breve tratamento é necessário para que tudo fique em perfeito estado.

Luzes na touca

Mas as luzes na touca doem?

Claro que como qualquer outro processo em nossas vidas, principalmente os que envolvem estética e cabelo, ficam algumas dúvidas. Muitas mulheres acabam por achar que as luzes na touca doem quando percebem que o profissional puxa os fios.

Na realidade, é muito pelo contrário essa situação. Há, sim, um certo incomodo no começo, pois é uma pessoa que está puxando seu cabelo sob um pequeno furo. Mas não é nada que realmente incomode a maioria das pessoas. Até porque isso também depende do profissional e o modo como ele trabalha.

A maioria tem a mão bem leve para esse procedimento e apresenta um ótimo trabalho durante todo o processo. Certificando-se que você está a vontade e que não está machucando. Sobretudo se você tiver um couro cabelo sensível e avisar antes.

Também há um certo cuidado com cabelos com o corte pixie, porque como são menores, é um pouco mais complicado. Não para que o processo fique bom, mas para que se consiga pegar os fios sem que isso machuque Daí o processo inteiro leva muito mais tempo.

Uma dica preciosa para te ajudar nesse momento das luzes na touca

Apesar das luzes na touca não machucarem quando o profissional está lidando com o seu cabelo. É importante fazer uma pequena ressalva quanto a isso, se você optar por luzes mais finas, é comum que incomode um pouco mais.

Mechas mais grossas permite que o profissional de beleza consiga puxar mais fios ao mesmo tempo para se alcançar o resultado esperado. Além disso, isso acelera um pouco mais o processo e o resultado fica muito mais satisfatório.

Isso se deve ao fato de que como as luzes na touca são diferenciadas, a raiz acaba ficando em um pouco mais de evidência. Quando se puxa luzes muito finas, o seu cabelo acaba ficando com um contraste estranho se você tem o cabelo mais escuro, por exemplo.

Tanto para cabelos escuros, quanto para os claros, o ideal são as mechas mais grossas. Porque elas acabam se misturando eventualmente quando se retira a touca de uma vez para avaliar o resultado. Essa mistura acaba ficando muito bonita e ilumina melhor as madeixas no geral.

Luzes na touca

Quais são os cuidados que devo ter?

Ainda que o processo seja muito simples e que a maior parte esteja na mão do profissional, as luzes na touca não indicam descuido. Tudo que envolve o cabelo e transformações no mesmo precisam de um cuidado, antes, durante e depois do processo.

Antes, é importante que você esteja com os fios fortificados e saudáveis, assim eles não quebram com facilidade. Você pode seguir um cronograma capilar, por exemplo. Durante o processo, porém, é necessário se atentar ao profissional: quanto tempo ele deixa o cabelo agir? Ele hidrata bem antes? De que forma ele arruma a touca? Afinal, ela precisa estar bem posicionada para que o resultado, em relação à raiz, não fique assimétrico.

Depois que você fizer suas luzes na touca, tenha em mente que é normal que elas ressequem. Para tanto, espere dois dias antes de lavar para ver se a cor fica próximo ao desejado. Até porque muitas vezes demora um pouquinho para que a cor se ajuste e muitas mulheres acabam por achar que o profissional simplesmente errou o tom.

Muito pelo contrário, é apenas questão de paciência. Se a cor parece ok, lave o cabelo e nutra bastante, secando com secador e sempre utilizando um protetor térmico. Afinal, os fios ficam bastante sensíveis nesse momento.

Agora que você entendeu como funcionam as luzes na touca, tem vontade de fazer? Acha que pode ficar legal? Compartilha com a gente através dos comentários e conte sua experiência caso já tenha esse tipo de luzes.

Deixe seu comentário!