Madeixa
Glutaraldeído no cabelo

Glutaraldeído no cabelo: saiba dos perigos desse alisante

O glutaraldeído é uma das principais substâncias utilizadas nos alisamentos capilares para substituir o uso do formol. Estes produtos são muito utilizados porque várias mulheres possuem o sonho de ter o cabelo liso, seja para aumentar a sua autoestima, ou seja, por conta da praticidade gerada por cabelos alisados.

Descubra como Alisar o cabelo em casa, deixando os frios mais brilhosos, macios e livres de químicas com 3 elementos secretos Clique aqui e assista ao vídeo.


Alisar o cabelo não seria um problema se essa substância não causasse danos à saúde. A ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária – proibiu o uso de formol, porém o glutaraldeído, substância usada com frequência, acaba trazendo riscos piores a saúde, por isso antes de optar por um processo de alisamento é importante escolher o profissional e o produto certo.

Para ter uma noção como o glutaraldeído é perigoso, ele é utilizado em hospitais para desinfecção de dos materiais utilizados nesse local. Ou seja, se é tão potente para desinfetar materiais como vidro, o que pode fazer com o seu cabelo? Por isso, é importante buscar opções que não agridam tanto o seu cabelo e não façam mal à saúde.

Este artigo foi elaborado com o intuito de te dar informações para que você consiga escolher melhor o que será aplicado no seu cabelo. Afinal, a sua saúde pode estar em jogo!

Glutaraldeído no cabelo é perigoso?

Glutaraldeído no cabelo

Para você ter ideia de como o glutaraldeído no cabelo pode causar danos à saúde, saiba que este componente é capaz de descontaminar acessórios que estavam infectados com o vírus HIV, consegue imaginar a potência desse aldeído? Trata-se de um componente que causa odor forte, sabe quando alguém está passando um produto alisante no cabelo e os olhos ardem e sente-se um cheiro muito forte? Pode ser por conta do glutaral, como é conhecido nos salões o glutaraldeído.



Descubra como Alisar o cabelo em casa, deixando os frios mais brilhosos, macios e livres de químicas com 3 elementos secretos Clique aqui e assista ao vídeo.

Você deve estar se perguntando porque os salões ainda usam este produto tão forte, e a resposta é simples: dinheiro. Os produtos que contém glutaral alisam muito bem o cabelo e são muito mais baratos. Dessa forma, o salão economiza na compra dos produtos, mas em contrapartida coloca a vida das clientes que fazem este tipo de alisamento em risco.

Não é só sua saúde física que sofre com o uso destes produtos. O seu cabelo fica perfeito na hora do alisamento, mas depois começa a cair e pode trazer sérios prejuízos, já que pode demorar a se recuperar.

Corte químico é um problema muito sério e pode mexer com a autoestima das mulheres, por isso, antes de fazer um alisamento com produtos fortes como este é importante pensar bem e pesquisar bastante a reputação do salão. Afinal, se usam produtos não legalizados, com certeza muitas pessoas estarão reclamando dos resultados deste salão.

Quais os prejuízos para o cabelo?

O glutaraldeído no cabelo pode trazer problemas dermatológicos e intoxicação. Além disso, ao usar produtos no cabelo com esse componente você corre o risco de ter dermatite e até mesmo queimaduras sérias no couro cabeludo e nos seus fios.

Se você sair do salão de cabeleireiro sentindo dor abdominal, fortes dores de cabeça e até mesmo ânsia de vômito, pode desconfiar que o cabeleireiro aplicou em você alisamento a base de glutaral.




Descubra como Alisar o cabelo em casa, deixando os frios mais brilhosos, macios e livres de químicas com 3 elementos secretos Clique aqui e assista ao vídeo.

O problema é que esse tipo de produto pode resultar em doenças indolores inicialmente, ou seja, você passa o produto de 6 em 6 meses acreditando que está usando algo inofensivo à saúde e depois descobre que está com problemas graves, já que o glutaraldeído no cabelo pode causar até mesmo câncer das vias aéreas superiores.

Já pensou como você se sentiria ao começar a alisar os cabelos em um salão repetidamente, e perceber que sua boca e narinas estão cheias de feridas? O glutaral pode causar isso!  Além de dores de garganta e sérias reações alérgicas que podem deixar qualquer pessoa em pânico.

Segundo a ANVISA, o glutaraldeído pode ser utilizado em produtos de cabelo com uma concentração máxima de 0,2% e 0,1%, nessa concentração não haverá danos à saúde. Mas, o problema é que muitas empresas podem adicionar substâncias a esse produto que já é comprado pronto, e isso é considerado crime!

A melhor forma de garantir que um produto confere menos riscos a sua saúde é sempre lendo os rótulos e pesquisando sobre o produto que você irá usar. Se for fazer alisamento com um profissional, que é o recomendável, pergunte para ele qual produto ele irá usar e pesquise antes da aplicação. Isso pode parecer implicância, mas na verdade é uma medida de segurança.



Descubra como Alisar o cabelo em casa, deixando os frios mais brilhosos, macios e livres de químicas com 3 elementos secretos Clique aqui e assista ao vídeo.

Preciso para de alisar o cabelo?

Glutaraldeído no cabelo

Depois de tudo que falamos você deve estar confusa e achando que nunca mais poderá alisar o cabelo. Calma! Não é bem assim. Você já sabe que  glutaraldeído no cabelo é arriscado. Mas, nem por isso precisa ficar infeliz com o seu cabelo, se realmente gosta de alisá-lo, a forma mais segura de fazer isso é usando produtos que sejam permitidos pela ANVISA, ou seja, nada de glutaraldeído ou formol.

Como já informamos, você deve sempre pesquisar muito sobre o que irá utilizar. É direito do cliente saber o que o profissional está usando no seu cabelo, então você pode perguntar. É importante também ficar atenta para saber se os rótulos não são falsos. Muitos produtos apenas estão intitulados como progressiva de aminoácidos, mas em sua composição encontramos diversas substâncias oxidantes e prejudiciais à saúde. O cabelo fica lindo no momento, mas como consequência os problemas de saúde vêm junto.

Sempre busque profissionais de qualidade para realizar o seu alisamento e te ajudar a escolher os produtos certos. Não precisa ter medo de alisar, mas lembre-se que glutaraldeído no cabelo faz mal e você tem alternativas mais saudáveis para ter um liso bonito.

A Anvisa permite alisamentos que contenham tioglicolato de amônia, muito presente em escovas progressivas, escova americana e outros tipos de alisamentos conhecidos. Hidróxido de guanidina e hidróxido de cálcio, que também são famosos, você pode usar sem medo. Claro que sempre com muita prudência, seguindo as recomendações de utilização.  

Ficou com alguma dúvida sobre esse assunto? Deixe um comentário que com certeza iremos te ajudar! O nosso maior objetivo é te ver linda, sem prejudicar sua saúde.

Descubra como Alisar o cabelo em casa, deixando os frios mais brilhosos, macios e livres de químicas com 3 elementos secretos Clique aqui e assista ao vídeo.


Deixe seu comentário!

WordPress Ads
Economize tempo e dinheiro! Progressiva de chuveiro. Liso perfeito em minutos!
CONHEÇA AQUI
close-image