Madeixa
Como cuidar do cabelo na gravidez

Como cuidar do cabelo na gravidez? Confira as melhores dicas!

Promoções na Amazon
Quase todo dia a Amazon faz uma promoção de produtos para cuidar do cabelo.Clique aqui e confira os itens que estão em PROMOÇÃO hoje.

A gravidez, sem dúvidas, é um dos temas mais importantes para uma mulher. Ocorrem diversas mudanças corporais, hormonais e psicológicas nessa fase. E isso afeta todo o corpo e inclusive o seu cabelo, que deve ter uma atenção redobrada! Confira, nesse post, o que deve ser feito, para que essa fase mágica não se torne um pesadelo.

Mas, lembre-se: a saúde do bebê deve estar sempre em primeiro lugar. Procure sempre um médico antes de tomar uma decisão sobre o seu couro cabeludo, já que é muito bem sabido que há muitos produtos químicos que o afetam diretamente.

Apesar disso, é possível sim cuidar do seu cabelo com métodos alternativos e seguros. Iremos falar, agora, algumas mudanças comuns que ocorrem nos fios capilares durante a gravidez.

Mudanças no cabelo durante a gestação

Algumas mudanças não afetam tanto o visual de forma negativa, inclusive podendo até deixar as madeixas bonitas. Outras, no entanto, afetam gravemente o estado do seu cabelo. Mas, calma! Iremos lhe ajudar! As mudanças comuns são:

São mudanças generalizadas: algumas podem ocorrer, mas outras não. Agora, nós mostraremos dicas para deixar o seu cabelo do jeitinho que você quer, sem usar químicas que podem afetar o crescimento do bebê, mas que permitam novos visuais.

Cortes de cabelo para grávidas

Como cuidar do cabelo na gravidez

Geralmente, ondas de calor podem ser presentes durante a gravidez, devido à alterações hormonais, assim como ocorre na menopausa. Por isso, indicamos que use e abuse de cortes mais “simplificados”, e que exijam uma quantidade de tempo menor de manutenção.

Os cortes devem ser práticos e menos calorosos, mas, ao mesmo tempo, bonitos para você. Os cortes mais curtos oferecem exatamente isso. O ideal é apostar em modelos na altura dos ombros, pois oferecem grandes possibilidades de visuais, sem dar aquele trabalho para cuidar. Aventure-se pesquisando modelos para se inspirar!

Mas, se caso não quiser mudar muito o visual, corte as pontas das suas madeixas a cada três meses (no máximo). Assim, o cabelo se manterá em um comprimento viável para o seu dia a dia.

Como cuidar do cabelo na gravidez?

Hidrate o cabelo

Realize hidratações periódicas no seu cabelo. Devido à gravidez, a maior parte dos nutrientes que alimentam o seu couro cabeludo vão para a formação do couro cabeludo do bebê. Assim, é extremamente normal que o seu cabelo fique ressecado durante esse período. A hidratação ajudará e muito nesse processo, dando saúde e brilho aos seus fios.

A hidratação servirá como uma reposição de nutrientes (proteínas, sais minerais, queratina). Com isso, dê continuidade ao cronograma capilar. Fazendo esse processo periodicamente, você irá nutrir o seu cabelo, dando as vitaminas necessárias para o seu crescimento. Fale com o seu médico caso tenha dúvidas de qual produto usar e se os seus fios precisam de algo a mais.

Veja também: Hidratação caseira para cabelo: veja dicas + 28 receitas baratas e fáceis

Mantenha uma boa nutrição

Como cuidar do cabelo na gravidez

Procure por alimentos que reponham e dão nutrientes necessários para a formação do bebê. Uma nutrição equilibrada com boa distribuição de proteínas, vitaminas e carboidratos fará que o seu cabelo seja menos afetado.

Você está formando uma vida, e isso requer muita energia do seu corpo. Uma boa alimentação irá repor essa energia e dará ao corpo a disposição de cuidar dos seus fios e unhas, que são muito afetados pela gravidez.

A cada trimestre, nutrientes diferentes são necessários devido às diferentes fases de crescimento do feto. Por isso, procure um obstetra, para que o profissional monte um cronograma alimentar para ser seguido com exatidão.

Veja também: Como fazer nutrição no cabelo? Veja os benefícios e passo a passo

Pode pintar, mas com restrições

Atente-se a esse ponto. Em hipótese alguma use produtos que possuam metais pesados, amônia ou formol. Esses componentes químicos são extremamente tóxicos! Mesmo alguns médicos permitindo o uso após o primeiro trimestre de gravidez, é melhor não arriscar.

Procure por tintas de cores suaves e de origem natural (vegetal). As tintas de cores mais vivas tendem a ter mais componentes químicos, que são necessários para que ela “grude” no cabelo. As tintas de tonalidade clara não precisam disso.

Para aquelas que desejam fugir dos fios brancos, há a opção de realizar luzes para disfarçar. Nessa técnica, a tinta não fica na parte do couro cabeludo. Assim, as chances de os químicos indesejáveis entrarem na corrente sanguínea são baixas, não afetando o crescimento e a saúde do bebê e nem os seus fios.

Mas, todas as escolhas que fizer devem ser antes consultadas e autorizadas por um médico especializado. O crescimento do feto deve estar em primeiro lugar e todas as ações devem ser feitas de modo correto.

E o cabelo após gravidez?

Como cuidar do cabelo na gravidez

Após a gravidez os cuidados devem ser mantidos! Durante a amamentação, boa parte das vitaminas do seu corpo irão para o bebê via o leite materno. Para quem quer crescer forte e saudável, esse processo é uma boa para o seu filho. Mas, os seus fios não acham a mesma coisa. Tecnicamente, você ainda não está livre para usar químicas nas suas madeixas.

O seu cabelo irá ficar frágil com a falta de nutriente. Afinal, o leite materno precisa muito disso. O normal é que, nessa fase, a taxa de crescimento capilar caia, que os fios fiquem ressecados e tenham uma propensão maior para quedas e quebras. Esses problemas são potencializados com o estresse comum que há nessa fase.

Alergias também são muito comuns nessa fase. A pele está mais fragilizada e as proteções contra bactérias e microrganismos estão defasadas. E se caso não prestar atenção nesse problema, pode acarretar danos que poderiam ser evitados e até mesmo ocasionar algum malefício ao bebê.

Use produtos naturais e que não tenham muitas substâncias químicas até o fim da amamentação. Passe hidrantes naturais para dar uma “despertada” no seu cabelo, para que volte a sua normalidade. O uso de químicos nessa fase, sem moderação, pode afetar até o bebê via leite materno. Então, fique ligada!

Cuide de você, do seu bebê e do seu cabelo também! Até a próxima!

Deixe seu comentário!