Madeixa
Banding no cabelo

Banding no cabelo: saiba como driblar o fator encolhimento dos cachos

Já foi a época em que o padrão de beleza aceito socialmente era apenas de mulheres com as madeixas alisadas e com cores naturais. Com o passar dos anos e os avanços nos produtos para os cabelos, muitas mulheres começaram a aceitar os cachinhos e passaram pela transição capilar, deixando os cuidados com os cabelos voltados para definir e tratar os cachos dando adeus aos processos químicos alisantes.

Durante o processo de crescimento dos cabelos crespos e cacheados, ocorre algo que incomoda muita gente, que é o encolhimento das mechas. Esse encolhimento é natural e acontece devido ao efeito conhecido por “molinha”, em que os cachos dão a impressão de cabelos curtos, mas quando esticados, o comprimento do cabelo é bem maior do que realmente aparenta ser.

Para resolver esse encolhimento, surgiu o método banding, que nada mais é do que uma técnica que diminui o fator de encolhimento natural sem usar ferramentas de calor, como chapinha e secador, usando para isso apenas elásticos. Esse método tem ganhado um público gigante na internet, sendo que várias blogueiras da gringa estão fazendo vídeos e ensinando o passo a passo de como fazer a técnica.

Se você ficou curiosa para saber como funciona o banding, como fazê-lo e quais as suas variações, fica com a gente e acompanhe esse artigo até o final que nós iremos falar um pouco sobre ele!

Para quem é indicado realizar a técnica banding?

Banding no cabelo

A técnica é indicada para mulheres que sofrem com o fator encolhimento, sendo principalmente as que possuem cabelos crespos do tipo 4B e 4C. Essas mulheres normalmente se surpreendem quando alisam os fios, haja vista que o cabelo pode ser até 3 vezes maior do que aparenta ser quando natural.

Apesar de indicado mais para cabelos crespos do tipo 4, o banding pode ser feito também em cabelos cacheados, haja vista que apesar de em menor proporção esse tipo de cabelo também sofre com o fator encolhimento. Até mesmo as mulheres com cabelos ondulados podem aderir a essa técnica inovadora para definir as ondas, mudando apenas o modo de execução do banding.



Algumas técnicas usadas para diminuir o fator encolhimento é aplicar o jato quente do secador direto na raiz. Entretanto, apesar de obter o efeito desejado, que são as madeixas mais longas, o jato quente prejudica a saúde capilar e, a longo prazo, pode atrapalhar no crescimento do cabelo.

A saída do secador para o banding é uma invenção das gringas e tem ganhado espaço por não prejudicar a fibra capilar e aumentar consideravelmente o comprimento dos cachos.

Como fazer banding no cabelo?

Banding no cabelo

Se você ainda está nesse artigo é porque se interessou por essa técnica que chegou e pelo visto vai ficar! Separamos a seguir um passo para te ajudar a realizar o banding e assim obter cachos saudáveis e um cabelo ainda maior.

Para fazer o banding, você irá precisar de vários elásticos, dependendo da quantidade de cabelo que você tiver. Lembre-se de passar um óleo vegetal no cabelo antes de inciar o processo e prefira elásticos que não tenham o fecho em metal.

  1. Desembarace todo o cabelo com o auxílio de um creme para pentear do seu gosto (recomendamos que você lave o cabelo normalmente e retire todo o excesso de água dos fios, e aí passe o óleo vegetal por todo o comprimento);
  2. Separe o cabelo em 4 partes para facilitar a divisão por mechas posteriormente;
  3. Com o cabelo já dividido, comece por uma parte separando mechas médias de cabelo;
  4. Com o elástico, vá prendendo-o por todo o comprimento do fio, fazendo uma espécie de “bananinha”. Comece pela raiz, dê um espaço de 2 cm e amarre com o elástico, e vá descendo por todo o comprimento até chegar a ponta do cabelo;
  5. Repita o procedimento anterior por todas as partes separadas do cabelo;
  6. Dê uma leve afrouxadinha em cada parte entre os elásticos;
  7. Espere o cabelo secar para retirar os elásticos. Recomendamos que você durma com o cabelo com banding, e para isso, vale usar uma touca, ou então, colocar uma camiseta de algodão envolvendo o cabelo;
  8. Ao acordar retire os elásticos e finalize seu cabelo como de costume.

Como vimos anteriormente, essa técnica irá variar de acordo com o tipo de tamanho do cacho desejado para aumentar o comprimento do cabelo. Mulheres com cabelos ondulados que desejam definir as ondas podem fazer a técnica, dando um espaçamento bem maior que o recomendados para mulheres cacheadas e de cabelos crespos. A dica para as onduladas é colocar o elástico mais frouxo e deixar um espaço de cerca de 6 centímetros entre cada um.

Finalmente, separamos uma dica para você que quer fazer o banding e acabar de vez com o fator encolhimento dos cabelos: se você deseja cachos mais definidos, opte por colocar elásticos sucessivos, cobrindo todo o comprimento da mecha (abuse dos elásticos e cubra realmente quase toda a mecha) ou, se preferir cachos maiores e com mais movimento, amarre os elásticos deixando um espaço maior do que 2 centímetros.

Quais as vantagens da técnica banding?

Banding no cabelo

O banding é ideal para substituir, como vimos, o uso de aparelhos com jato de calor. Além disso, essa técnica auxilia no crescimento do fio, haja vista que ocorre uma certa tensão ao esticá-lo.

Cuidados com os cabelos ao fazer banding

Até agora, vimos as vantagens de fazer a técnica banding e conseguir um cabelo grande e com muitos cachos. Entretanto, alguns cuidados precisam ser tomados para que só se obtenha benefícios.

A técnica é feita após lavar os cabelos. É necessário, porém, retirar muito bem o excesso de água para que não ocorra a proliferação de fungos e bactérias, enfraquecendo o fio e, também, que não apareça maus odores ao prender o cabelo molhado.

Opte por usar uma toalha de microfibra, uma camiseta velha de algodão ou até mesmo secar os fios com o uso de papel toalha para retirar toda a umidade antes de dar início ao banding.

Deixe seu comentário!